4 dicas para coletar o aluguel sempre em dia

Um dos aspectos mais relevantes para manter o fluxo de caixa de imobiliárias em dia é coletar o aluguel locatários já existentes. Ainda assim, esse é um assunto pouco falado dentro das empresas. Há estratégias simples que podem colaborar para que os locatários não atrasem os pagamentos e o fechamento de contas no fim do mês seja mais equilibrado.

Neste artigo, apresentamos quatro ideias que a sua imobiliária pode adotar.

1. Tudo começa com a escolha do locatário

Pode parecer básico, mas é importante ressaltar que uma seleção criteriosa pode evitar problemas futuros. No esforço de não manter imóveis parados por muito tempo, imobiliárias e vendedores podem acabar aceitando inquilinos com grande histórico de inadimplência. Esse pode ser um indício de problemas futuros.

2. Crie um ambiente amigável

Multas por atraso são necessárias, mas criar ações positivas para estimular o pagamento em dia pode ser uma maneira diferente de evitar o débito. Uma opção é oferecer descontos para locatários que pagarem antes do vencimento. Isso funciona porque, além de encorajar um bom comportamento, é uma vantagem nova para aqueles que atrasam com tanta frequência que já incluem o valor da multa no orçamento. Outra ideia é oferecer brindes e bônus anuais para os melhores pagadores, o que de quebra fideliza os melhores clientes.

3. Facilite a comunicação

Hoje em dia, é difícil encontrar alguém que não use pelo menos um meio online para comunicação – e-mail, Whatsapp, redes sociais. Aproveitar essas possibilidades ao coletar o aluguel garante uma comunicação mais rápida. Fica mais fácil para o locatário o acesso a informações importantes como segunda via de boletos. Se ele tem tudo à mão para realizar o pagamento, é mais provável que ele não atrase.

4. Controle é fundamental

Nada disso funciona bem se a imobiliária tem dificuldades de controlar os pagamentos. Contar com um sistema capaz de entregar um relatório de inadimplência de forma prática pode ser o pontapé inicial para uma melhor gestão do fluxo de caixa. Um maior controle dessas informações evita cobranças em duplicidade e facilita o acompanhamento das dívidas.

Além disso, históricos diferentes exigem negociações diferentes. Com uma busca facilitada pelos registros de cada locatário, fica mais fácil propor abordagens diferenciadas. De um lado, aqueles que sempre pagam em dia e recentemente passaram a atrasar. De outro, aqueles que são devedores habituais.

Gostaria de conhecer melhor nosso software para gestão de imobiliárias, o Imobiliária21? Entre em contato com um dos nossos consultores, através do 0800 702 5700 ou acesse nosso site.

× Como posso te ajudar?
como-se-resguardar-dos-erros-da-gestão-anteriorvisual merchandising