Anunciar imóveis na internet: 5 dicas para a sua imobiliária sair na frente

Hoje, no Brasil, ainda não existem portais que contemplem 100% do processo de vendas de imóveis. Boa parte do trabalho de fechar o negócio ainda depende de relações offline. Por isso, não faz sentido enxergar portais de venda de imóveis como uma plataforma puramente comercial: eles são também um forte meio de comunicação.

Isso significa dar importância fundamental à imagem que a sua imobiliária passa de acordo com a qualidade das informações que insere em portais de venda. Erros de ortografia e fotos de má qualidade, por exemplo, podem deixar a impressão de um serviço desleixado. Por outro lado, uma divulgação que enche os olhos do cliente certamente conta muitos pontos a favor.

É sempre bom lembrar que a internet é um meio muito visual. Por isso, listamos cinco dicas valiosas para a sua estratégia para anunciar imóveis na internet pensando, especialmente, no melhor jeito de tratar suas imagens.

5 dicas-chave para anunciar imóveis na internet

1. Antes de tudo, a qualidade

A alternativa escolhida por muitas empresas é contratar um fotógrafo profissional para fazer as imagens de divulgação dos imóveis. Porém, não são todas as imobiliárias que possuem a estrutura ou o orçamento necessário para tanto. Nesse caso, uma boa câmera ou mesmo um celular com especificações adequadas podem ser bons substitutos, desde que alguns cuidados sejam tomados (falaremos mais a respeito nos próximos tópicos).

Uma dica: para quem tem interesse em aprender mais sobre enquadramentos, ângulo e iluminação, existem cursos online gratuitos que dão noções básicas de fotografia. Outra saída para quem não dispõe de muito recurso são os editores de imagens online gratuitos como o Pixlr e o Fotor. Importante, mesmo, é se esforçar para fazer a melhor imagem possível com os recursos disponíveis.

2.Cuidado com o ambiente

A busca por imóveis pode ser uma atividade prazerosa para o cliente. Muita gente gosta de passear pelas fotos do imóvel e imaginar as possíveis cores, mobílias e decorações que aquele lugar poderia abrigar. Por isso, o ideal é que as fotos mostrem os cômodos vazios e limpos, sem objetos espalhados.

Outro cuidado importante é com a escolha do lugar a ser fotografado: procure dar preferência aos cômodos mais amplos e sociais. Cozinha e banheiro são importantes, mas salas e varandas são o cartão de visita da casa.

3.Reforme antes, fotografe depois

Na mesma linha do tópico anterior, vale a pena planejar as reformas necessárias para antes da fotografia. Isso aumenta a credibilidade da informação, porque mostra ao cliente uma versão mais real do imóvel que ele pensa em alugar ou comprar.

4.Invista em vídeos

Uma tendência que vem trazendo resultados positivos é o uso de vídeos de divulgação de imóveis. O vídeo desperta interesse do cliente, além de oferecer uma visão bastante transparente e completa do produto – o que conta pontos para a imobiliária.

Outro ponto relevante é que vídeos são bem avaliados nos motores de busca online. Em outras palavras, imóveis com vídeos de divulgação ficam melhor colocados nos resultados de buscas do Google ou mesmo do portal de imóveis.

5.Otimize o tempo

Como já dissemos neste post, nem sempre a equipe da imobiliária possui tanto tempo para se dedicar à gestão de cada imóvel e, por isso, é forçada a deixar certos cuidados de lado. Por isso, contar com ferramentas de gestão para automatizar processos mecânicos é uma opção para quem quer direcionar recursos humanos para tarefas de maior valor agregado.

Além de funções voltadas para a divulgação dos imóveis, como a criação de sites e integração automática da base de imóveis com os portais mais relevantes, sistemas de gestão de imobiliárias contam com ferramentas para a automatização de tarefas como emissão de boleto e baixa de títulos bancários, poupando muito tempo dos funcionários.

× Como posso te ajudar?
gestão de condomíniossoftware de administração de condomínios